Satanás rebelou-se contra Deus e arrastou consigo a terça parte dos anjos - e obviamente, Deus poderia ter deletado ali mesmo o malig...

Deus não regula a liberdade de expressão de quem critica seu governo



Satanás rebelou-se contra Deus e arrastou consigo a terça parte dos anjos - e obviamente, Deus poderia ter deletado ali mesmo o maligno. Mas seria imoral. Deus não criou seres dirigidos por controle remoto, ou programados por um software para amá-lo, até mesmo porque o nome disto não seria amor, mas digamos “um aplicativo espiritual”. Deus criou seres livres para amá-lo ou não, com personalidade própria. Não pode existir liberdade para amar sem que isto também implique em liberdade para odiar, assim como não pode existir um quadrado redondo. Se Deus interrompesse a existência do Diabo, estaria conspirando contra seus próprios princípios de liberdade. Os dois terços de anjos fiéis teriam motivos para acusar Deus, caso simplesmente apagasse Satanás e sua trupe. Logicamente a escolha de ficar longe de Deus implica em ficar fora de sua Graça Comum, ou seja, ser privado de toda graça sustentada por sua presença, o que a Bíblia chama de inferno. Ao seu tempo toda rebelião será justamente julgada, e banida para fora da graça de Deus. Desde então a Bíblia detalha Satanás fazendo guerra contra Deus e o seu povo. Vemos por exemplo a oposição de Satanás em Zc 3.1: “Então ele me mostrou o sumo sacerdote Josué, o qual estava diante do anjo do Senhor, e Satanás estava à sua mão direita, para se lhe opor”. Satanás tem liberdade para contar suas mentiras na terra, assim como às contou no céu, convencendo os anjos que caíram. (Jo 8.44). Contou mentiras a Adão e Eva e continua fazendo mais do mesmo a milhares de anos. Aqueles que praticam a mentira do Diabo abrem legalidade para o seu agir na terra, roubando, matando e destruindo. (Jo 10.10). Deus não rege o universo com censura, portanto, não regula a liberdade de expressão de quem critica seu governo, apenas adverte sobre suas ciladas, prometendo livrar aqueles que estão em Cristo. Para resistir ao assédio espiritual do Diabo, que nos compele contra Deus, precisamos empreender - batalhas no mundo espiritual - usando a autoridade que nos foi outorgada na cruz. A Bíblia nos adverte sobre a seriedade desta batalha:
“Não deis lugar ao diabo”. (Ef 4.27);
“Revesti-vos de toda armadura de Deus para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo.” (Ef 6.11);
Esta casta não pode sair com coisa alguma, a não ser com oração e jejum. (Mc 9.29);
“Sujeitai-vos, portanto, a Deus; resisti ao diabo, e ele fugirá de vós”. (Tg 4.7);
De acordo com Strong a palavra “resistir” no original grego é anthistemi”, pode ser traduzida como: “colocar-se contra, opor-se. A mesma palavra aparece em Ef 6.13 e 1 Pe 5.8,9. Inegavelmente estamos em uma batalha espiritual, queiramos ou não. Leia mais em PRINCÍPIOS DE HONRA - clique aqui e 7 RESPOSTAS SOBRE A EXISTÊNCIA DE DEUS - clique aqui