A primeira igreja de Jerusalém caiu na graça do povo, estava grande, famosa, acomodada como um grupo firme e centralizado naquela cid...

Igrejas famosas e acomodadas X igrejas corajosas e missionárias



A primeira igreja de Jerusalém caiu na graça do povo, estava grande, famosa, acomodada como um grupo firme e centralizado naquela cidade. Mas o Senhor a quebrou, e os seus pedaços se espalharam na expansão do evangelho em outros lugares. Já a Igreja de Antioquia tinha o exemplo de Jerusalém, e se antecipou em consagração, buscando entender o propósito missionário do Espírito Santo. Daí dois importantes líderes são “apartados” para uma missão especial - Paulo e Barnabé. A igreja aprende que enquanto instituição local, não deve pensar apenas no seu fortalecimento. Embora os programas de crescimento da igreja local sejam legítimos, o Espírito Santo ensina que o Corpo também deve ofertar, doar, apartar, renunciar em prol de pessoas que nunca vimos, cidades que nunca conhecemos, países que a maioria de nós jamais pisará. Seja Missão Pátria ou Transcultural, a responsabilidade está sobre os nossos ombros. Devemos pensar além de nossa bonita igreja, devemos doar de forma corporativa. Continue lendo aqui: UMA MISSÃO - DEUS CONTA COM VOCÊ - clique aqui