Estudo bíblico, mensagem, reflexão e fé

Estudo bíblico, mensagem, reflexão e fé


8 lições na casa de Obede Edom 8 lições na casa de Obede Edom Obede Edom era um homem que buscava escapar de uma sina de maldição e ...

8 lições na casa de Obede Edom

8 lições na casa de Obede Edom

8 lições na casa de Obede Edom
8 lições na casa de Obede Edom

Obede Edom era um homem que buscava escapar de uma sina de maldição e miséria em sua família. É peregrino em busca de um milagre – e não conseguiu encontrá-lo na religião de sua família e tampouco nos rituais filisteus.

 O que buscava este homem em Israel? 

Paz? Prosperidade? A fertilidade? Sabemos que não podia ter filhos. 

Quem sabe se decepcionou com o panteão de deuses de Edom – sua terra natal, e buscou em Dagon, o deus filisteu, suas respostas. Aliás, os filisteus também tinham o seu panteão de deuses. 

Obede Edom agora é conhecido como o geteu, indicando que já estava aculturado como um filisteu de fato.

Mas foi em Gate que ouviu falar do poder do Deus de Abraão, Isaque e Jacó – O Deus de Israel.

Obede Edom percebe a existência de uma força superior

Quais foram os impactos em sua vida da notícia de que o Deus de Israel derrubou a imagem de Dagon? 
Que passou pela mente do prosélito filisteu quando sua terra foi atingida por terríveis pragas? 
Quando os filisteus devolveram a Arca as pragas cessaram imediatamente. Que será que ele pensou ao ouvir esta história?


Obede Edom certamente conheceu Golias e sua família

E logo de qual cidade era ele? De Gate, a cidade dos mais conceituados guerreiros, dentre os cinco principados filisteus. Em Gate havia homens de grande porte físico, conhecidos como gigantes. E lá estava também o campeão carniceiro, Golias. Renomado por seu tamanho, força e experiência. Era o invencível e terrível gigante, protegido pelas forças ocultas de Dagom e todos os deuses filisteus e dos povos conquistados. 

Mas um dia Obede Edom mal podia acreditar que houvesse um poder capaz de derrotar Golias. Que um menino pudesse dizer:

“Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado”. (1 Sm 17.45)

Depois Obede Edom vê um rei mal, ser derrubado de seu trono, e esse menino, agora é o grande rei Davi, homem segundo o coração desse Deus de Israel.

A decisão que mudou a história de Obede Edom

Não sabemos em qual momento este homem decide estar do lado da “Presença de Deus”, mas o fato é que um filisteu com raízes edomitas se mudou para Israel. 

Ser sábio não é acumular conhecimentos teóricos ou técnicos. Ser sábio é ser capaz de observar, analisar e aprender com os erros e acertos de outros. Obede Edom observa, analisa, calcula e chega a conclusão de que só o SENHOR é Deus.

Ele vem morar em Israel carregado de maldições da idolatria cananeia. Era tido pelos religiosos israelitas como uma escória. Um inimigo a ser cuspido e humilhado. Não podia ter filhos, nada ia para frente na sua vida e negócios. Mas uma certeza ele tinha:

“O Deus de Israel é o único que pode mudar a história da minha família”.

Deus escolheu Obede Edom

Um dia o rei Davi se entristeceu muito com a morte de Uzá e no meio do caminho temeu levar a Arca da Aliança.
Alguém vê um casebre à beira da estrada e diz:

— “Ali mora um homem! Podemos deixar a Arca sob seus cuidados!”

Mas os religiosos de plantão devem ter protestado: 

— “Tem um problema! Ele não é hebreu, não é da nossa linhagem, não é dos nossos. E pior de tudo, é filisteu de Gate, é nosso inimigo. E ainda é de raiz edomita”.

Mas quando Deus escolhe está escolhido. Não importa se você é magrinho, ou gordinho, branco ou negro, se tem cabelo enrolado ou liso - importa ser escolhido por Deus.

Quem sabe os protestos engrossaram:

— “Ele é inimigo número um de nossos pais. É Obede Edom, cujo nome significa servo de Edom. Ou seja, servo de Esaú, de quem descende os edomitas, uma nação inimiga de Israel à séculos. 

Mas Deus escolheu e pronto. 

Em 2 Samuel 6.10 diz que ele é geteu, ou seja, da mesma cidade de Golias, o gigante filisteu que Davi matou anos antes. Não era um homem confiável por qualquer avaliação. Mas Deus o havia escolhido.

Obede Edom pensa ter chegado ao fim

Imagino que quando Obede Edom vê o grande rei Davi se aproximando de sua casa, pensa:

— “Pronto! Agora eu vou morrer. Não tenho filho. Minha mulher é estéril. E ainda vou morrer agora.”

Eu preciso abrir um parêntese nesta narração agora. Eu quero falar para você que está achando que é o teu fim. Você está equivocado. Deus escolheu a sua casa. Valorize a “Presença de Deus” e tenha certeza de que o Deus de Israel é fiel.

A Arca da Aliança na casa de Obede Edom

Então a Bíblia nos informa que Davi deixou a Arca da Aliança na casa de Obede Edom, um filisteu.

Imagino que toda vez que Obede Edom olha para a Arca se alegra por sua “Presença”. O Senhor prosperou a casa de Obede Edom poderosamente. 

Esterilidade nunca mais. 

A maior riqueza de uma família naqueles dias eram os filhos. Mas sua esposa era estéril. Então Deus sopra no ventre dela.
A Bíblia relata que Deus deu oito filhos para Obede Edom. (1 Crônicas 26.4-5)

Vamos aprender 8 lições na casa de Obede Edom através dos nomes que ele dá aos seus filhos.


8 lições na casa de Obede Edom

O primeiro filho recebeu o nome de 

שמעיה Sh ̂ema Ìyah or:

1 - Semaías: Ouvido Pelo SENHOR

O que aprendemos com o nome do filho primogênito de Obede? A mensagem de Deus para nós é simples. Deus nos ouve. Deus responde oração.

Eu preciso profetizar sobre sua vida nesta hora. E dizer que Deus vai acabar com a esterilidade do seu ministério. Deus vai arrancar a esterilidade da sua família. Se não produzia, se não crescia, vai crescer, vai prosperar. Deus vai renovar. Porque Deus responde oração.

À quanto tempo você está orando por esta causa? 

Por vinte e quatro anos Ana orou por Samuel. Quando Samuel nasceu ela disse:

“Por este menino orava eu; e o SENHOR me concedeu a minha petição que eu lhe tinha pedido”. (1Sm 1.27)

Em Jeremias 33.3 Deus diz:

“Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes”.

Para Obede Edom não interessava saber aquilo que estavam fofocando ao seu respeito. Uma coisa apenas interessava a ele. Uma coisa apenas ele pensava:

— “Deus vai fazer coisas grandes”.

Semaías, a resposta de Deus estava chegando. E se era resposta de oração, era sinal de que Obede Edom era homem de oração. 


Há quanto tempo que você está orando? 


Não estou falando apenas de gravidez, mas de resposta daquilo que você está buscando no Senhor.
Semaías tipifica a resposta de Deus que você está buscando. Valorize a “Presença”. Creia na fidelidade de Deus.


Então Deus diz:


— “Vai nascer mais um”.

יהוזבד Y ̂ehowzabad


2 - Jozabade: “Jeová dotou”


O menino ganhou este nome porque Deus havia dado a Obede Edom aquilo que havia pedido. Deus tem prazer em atender aos pedidos de seus filhos. Seja em qual área de sua vida for:

 “Espiritual, familiar, material, financeira, profissional ou ministerial entre tantas outras”.

Assim como Obede Edom coloca sua família como testemunha do Senhor, Deus quer fazer em sua família. E cada vez que alguém olhar para você poderá asseverar que o Senhor o dotou.

E o Senhor diz:

— “Não vai ficar apenas nestes. Tem mais”.

E nasce o terceiro filho:

יואח Yow’ach


3 - Joá : “Jeová é irmão”


Este nome aponta para o Deus que se permite ser nosso íntimo amigo. Como um irmão. Muitas vezes nesta terra os amigos nos decepcionam. Traem-nos e usam de falsidade. Irmãos querem rasgar sua túnica, encharcá-la de sangue e dizer ao pai:

“Ele morreu”.

Mas Obede Edom, lá do meio do vale, dizia:

“Jeová é irmão”.

É ele que nos abraça nos dias de inverno. É ele que me consola. Ele é meu bálsamo. Ele é meu amigo. Ele é Deus. E quando o Senhor Jesus, Deus Filho, nos faz filhos de Deus, também nos faz seus irmãos, porque ele é agora o primogênito, e nós somos seus irmãos. O SENHOR é irmão.

Mas vem o quarto filho

שכר Sakar


4 - Sacar : “Salário”


Tenho certeza que muita gente gostou desta parte. Eu nunca ouvi dizer que Deus despede alguém com mão vazia. Deus não fica devendo nada para seu ninguém. Ele paga com juros e correção monetária.

Obede Edom sabia disto. Certamente seu prazer era ouvir as histórias do grande Deus de Israel. Tanto que mudou-se para Israel. 

Ele sabia que havia uma recompensa. Ele aceitou alegremente a chegada da Arca porque sabia do poder do Deus hebreu. Tem muita gente que diz:

— Você não pode fazer algo a Deus esperando receber bênção em troca. Isto é mercantilismo da fé. 

Na verdade estamos diante de um grande engano de Satanás, que tenta roubar o prazer de Deus. Deus tem prazer em que tenhamos expectativas quanto às suas promessas. A  é uma certeza gerada no coração, baseada em uma promessa de Deus — de algo que não podemos ver, mas temos certeza que virá. Devemos esperar recompensa sim. 

O quinto filho foi,

נתנאל N ̂ethane’l


5 - Natanael: Dom de Deus


Ele reconhecia que tudo que estava recebendo era por um motivo. Deus o estava abençoando. A palavra dom significa presente. E presente é algo que não se paga para merecer. O mérito é do presenteador. O dom é de Deus. 

E a notícia se espalhou. Era pública e notória a prosperidade de Deus na vida do homem geteu, antes pobre e sem filho, agora um pai de uma família vitoriosa.

Ainda vem o sexto filho

עמיאל ÌAmmiy’el


6 - Amiel : “Meu parente é Deus”


O nome Obede Edom apontava para sua raça edomita. Seu apelido, geteu, apontava para sua cultura filisteia. Mas há uma força maior que o transformava e o enchia de outro orgulho. 

Podiam até chamá-lo de Obede Edom – O Servo de Edom. 

Podiam até chamá-lo de geteu ou até de primo do Golias sem cabeça. 

Mas sua genética espiritual estava completamente transformada. Era um verdadeiro reGENErado. Tinha um novo GENE. Sua família estava vivendo o novo de Deus. 

Agora, com razão podia colocar este nome no sexto filho – Amiel. Porque realmente Deus era seu parente. Sua família agora tinha o DNA do céu.

Deus mandou o sétimo filho:

יששכר Yissaskar


7 - Issacar: “galardão”


Em Isaías 55.6 está escrito:

“Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto”.

Fico pensando em como foi a jornada deste homem. Como deve ter buscado com todos os seus recursos o milagre de que precisava. Peregrinando de uma nação à outra atrás de religiões. 

Mas um dia lhe ocorre um pensamento. Eu vou fazer uma mudança de 180 graus. Eu vou buscar o Deus de Israel. 

Depois de conquistar a vitória para sua família ele pode dizer que Deus é o seu galardão, ou seja, a sua recompensa.  

A maior descoberta do crente não é a bênção que Deus pode dar. 

Melhor mesmo é ter o Deus da bênção do que a bênção de Deus. Muitas pessoas lotam igrejas e campanhas em busca de um milagre. Mas fora disto não querem um compromisso com Deus. Não valorizam a “Presença”. Querem apenas fazer negócio com Deus. Negócios são negócios, amizades à parte. Mas Obede Edom acaba descobrindo algo maior. 

Melhor do que todos os milagres que Deus operou em sua família, é estar na “Presença de Deus”. Daí ele reconhece que o seu verdadeiro galardão não eram bens ou milagres. Deus era o seu galardão.


Então vem o oitavo filho:

שביעי sh ̂ebiy Ìiy ou


8 - Peuletai: Obra do Senhor


Notadamente algumas pessoas não conseguem reconhecer a fonte de sua prosperidade. Mas veja o que o Senhor diz:

“Quando, pois, tiveres comido e fores farto, louvarás ao SENHOR, teu Deus, pela boa terra que te deu”.
“Guarda-te para que te não esqueças do SENHOR, teu Deus, não guardando os seus mandamentos, e os seus juízos, e os seus estatutos, que hoje te ordeno; para que, porventura, havendo tu comido, e estando farto, e havendo edificado boas casas, e habitando-as, e se tiverem aumentado as tuas vacas e as tuas ovelhas, e se acrescentar a prata e o ouro, e se multiplicar tudo quanto tens, se não eleve o teu coração, e te esqueças do SENHOR, teu Deus, que te tirou da terra do Egito, da casa da servidão; que te guiou por aquele grande e terrível deserto de serpentes ardentes, e de escorpiões, e de secura, em que não havia água; e tirou água para ti da rocha do seixal; que no deserto te sustentou com maná, que teus pais não conheceram; para te humilhar, e para te provar, e para, no teu fim, te fazer bem; e não digas no teu coração: A minha força e a fortaleza de meu braço me adquiriram este poder. Antes, te lembrarás do SENHOR, teu Deus, que ele é o que te dá força para adquirires poder; para confirmar o seu concerto, que jurou a teus pais, como se vê neste dia”. (Dt 8:10-18)


Obede Edom não passou por estes infortúnios do deserto com os judeus, mas ele sabia qual era sua história. Se agora era um homem próspero, pai de oito filhos, isto só podia ser Obra do Senhor.


O texto de 1 Cr 26.5 termina a lista dos oito filhos com a sublime explicação: 


“Porque Deus o tinha abençoado”.

Você foi abençoado com esta palavra? Ajude-me a expandir o alcance deste trabalho. Sua oferta é muito importante. Saiba como contribuir AQUI.


Conheça os meus livros AQUI